• Sinpol

SINPOL E ADEPOL REUNEM-SE COM CONSELHEIRA YARA LINS PARA TRATAR DE MATÉRIA DE INTERESSE DA CATEGORIA



O tema da reunião foi uma suposta inconstitucionalidade suscitada pelo Ministério Público de Contas do Estado que gerou certo desconforto na classe, posto que a matéria passou a ser discutida pelo Tribunal de Contas do Estado.


Na oportunidade, o Presidente do Sinpol-AM, Jaime Lopes, aproveitou para esclarecer que a Gratificação de Exercício Policial tem caráter permanente. Deste modo, não poderia ser dissociada do vencimento face a elementos jurídicos e que, por conseguinte, o Policial Civil não deveria sofrer prejuízos na base de cálculo da sua Gratificação de Curso.


É oportuno salientar que no ano passado o Sindicato havia exposto a demanda e fundamentada a necessidade de manter inabalados os direitos dos servidores.


Na atual conjuntura, a Excelentíssima Conselheira, Dra. Yara Lins, se declara favorável no sentido de resguardar os direitos dos servidores e salienta que, majoritariamente, esse passou a ser o entendimento dos seus pares.


Esse é o entendimento que será levado à baila no momento em que for pautada para votação, uma vez que o que se julga é a preservação dos direitos dos Policiais Civis.


Nesse sentido, o Sinpol-AM, juntamente com a ADEPOL, ratifica seu compromisso de ser vigilante na defesa dos direitos da categoria.


Diretoria Executiva.





© 2020 - SINPOL-AM. CSPQ Tecnologia.