• Sinpol

NOTA DE REPÚDIO





O Sindicato dos Servidores da Polícia Civis do Estado do Amazonas – SINPOL/AM vem, diante de toda sociedade, repudiar veementemente matéria publicada em IstoÉ intitulada "Os snipers criminosos de Witzel".

Os snipers criminosos de Witzel https://istoe.com.br/os-snipers-criminosos-de-witzel/

A matéria em tela, que imputa, irresponsavelmente, supostos crimes a Grupo Especializado formado por policiais com alto nível de especialização e profissionalismo, detentores dos mais relevantes serviços prestados à sociedade.


A conduta do autor de, convenientemente, ignorar que existem requisitos legais para se considerar uma conduta criminosa (típica, ilícita e culpável), denota seu despreparo e desrespeito àqueles que diariamente colocam suas vidas em risco para salvaguardar a vida e o patrimônio de terceiros, a exemplo, do brilhante trabalho realizado no Estado do Amazonas pelo DIOA (Departamento Integrado de Operações Aéreas).



Os policiais da CORE, assim como os policiais dos Grupos Especializados das Polícias Civis de todo o país, em especial os Grupos Especializados da Polícia Civil do Estado do Amazonas têm respaldo legal para agir e o aval da sociedade. São profissionais que abdicam de estar com suas famílias, perdem a liberdade muitas vezes de se apresentarem como policiais por temer o risco iminente de um ataque por parte de grupos de bandidos, além de estarem no combate direto na guerra ao crime organizado, peleando contra narcotraficantes fortemente armados, por vezes com arsenal bélico de alto alcance e grosso calibre, que tentam aterrorizar e subjugar a população.


Não podemos deixar de enfatizar que ao ignorar o devido processo legal e chamar a todos de criminosos, de forma rasteira e consciente, rasga-se o princípio constitucional da presunção da inocência, sempre lembrado como garantia dos bandidos, mas convenientemente esquecido para as forças policiais.


O Sinpol-AM ratifica sua postura em defesa dos direitos, quaisquer que sejam dos Policiais Civis do Amazonas e se solidariza aos Policiais do Estado do Rio de Janeiro e a todos os Policiais de todo o país que se sentiram ofendidos.


Manaus/AM, 18 de maio de 2019.


Jaime Lopes

Presidente do SINPOL-AM

Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Estado do Amazonas


Leonardo Azevedo

Diretor Jurídico do SINPOL-AM


Itamir Alisson

Presidente da FEPOLNORTE

Federação Interestadual dos Trabalhadores Policiais Civis da Região Norte FEPOLNORTE

© 2020 - SINPOL-AM. CSPQ Tecnologia.